Fuligem (SP) discute consumo e lixo com vídeo.art

Captura de tela 2014-01-26 às 18.45.39

O vídeo “SUJO” discute relação entre consumo e lixo por meio da dança de rua, por meio do audiovisual.

clique na imagem e veja o vídeo*

Infectados pelas memórias de consumo e abuso, os b-boys Icaro Riu (One Rock), Gustavo Cabral (Ratin Killa – Rockers), Matheus B. Loopes (Kid Guma – Funk Fockers) e Allan Barbosa Lopes (Mixa – Funk Fockers) dão vida à tudo aquilo que você esquece jogado na sua lata de lixo. Flores no lixão, movimentos surreais e freestyle sob os pés de dançarinos que já representaram o Brasil em Mundiais pelo globo terrestre a fora, tendo participado das finais do Floor Wars 2013 na Dinamarca.

Você esquece do seu lixo assim que o caminhão e os coletores viram a esquina. Espalhados por aí, os lixões são um resumo do que deixamos para traz em busca do progresso e do prazer. Infectamos a Terra com escombros, plástico, vidro, carne e osso. Embalagens coloridas em um cenário de poeira e cheiro forte.

No Brasil, menos de 20% dos municípios possuem reciclagem e coleta seletiva. Dentre suas compras no supermercado, a força da industria, aquele sofá velho e a comida que deixamos sobrar no prato, são produzidas 250 mil toneladas de lixo por dia sob o Sol do País Tropical.

O vídeo-arte SUJO, com produção de Mandala Filmes e Coletivo Fuligem de Ribeirão Preto (SP).

Veja outras ações do Coletivo Fuligem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*