Coluna Mundo Minas foi até o início da Estrada Real

O antigo Arraial do Tejuco, datado do século XVIII, já viu passar e sair de suas terras riquezas sem conta. Dos diamantes garimpados à presença sedutora de Xica da Silva, foi também nessas terras que JK nasceu e cresceu em meio as suas serras, suas praças, suas ruas e pequenas vielas.

Milho Verde

Na passagem da coluna pelo território de Diamantina, o carro saiu de São Gonçalo do Rio das Pedras e seguiu pela Estrada Real em um trecho de chão para chegar na famosa mina de diamantes do século XXVIII. Em meio a imensidão da Serra do Espinhaço, as histórias e belezas do Alto Jequitinhonha se fizeram ainda mais presentes.

JKA agenda de encontros começa no Museu JK, onde o gerente do museu, Rômulo Barbosa, expôs a situação ocorrida na noite anterior, quando a Casa de Jucelino teve um princípio de incêndio, com indícios de ser criminoso, entretanto tudo foi controlado sem maiores danos ao conteúdo interno do prédio.

Seguindo com a programação de encontros, uma agenda com o Coordenador de Ação Cultural da Secretaria de Cultura, Turismo e Patrimônio, Ricardo Luiz, que repassou um panorama sobre o georreferenciamento da cultura em Diamantina. Logo em seguida, quem recebe os membros da coluna é a Sarah, estudante de Humanidades na UFVJM, agente cultural da cidade e produtora da festa FlashBack de musica Black em São Gonçalo do Rio das Pedras. No papo, pautas como o Grito Rock, o cenário da musica autoral e a produção cultural na cidade. 

Diamantina

No final do dia, um ultimo bate-papo com o Thiago, representante de um grupo de dança tradicional Afro, que contou um pouco da luta pela conservação das tradições africanas e dos saberes populares, que cada vez mais se perdem na cidade.

Depois de um dia extremamente produtivo em Diamantina, os agentes da coluna retornam ao Festival de Férias de São Gonçalo com uma carga de conhecimento adquirido e diversas conexões feitas em mais um ponto do Vale do Jequitinhonha. Com a lua cheia a frente, e o coração emocionado pelo vislumbre da imensa cultura deste lugar, seguimos com o pé na estrada.

Veja mais fotos da coluna.
Acompanhe a narrativa em tempo real.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*