Juca Ferreira condena linchamento do Fora do Eixo – por Luis Nassif

Texto originalmente publicado no blog do jornalista Luis Nassif no dia 20 de agosto de 2013. Veja a publicação original aqui.

___

Secretário de Cultura de SP diz que rapazes do Fora do Eixo estão sendo linchados

Para Juca Ferreira, secretário da Cultura da Prefeitura de São Paulo, e ex-secretário-executivo do Ministério da Cultura na gestão Gilberto Gil, os rapazes da Casa Fora do Eixo estão sendo submetidos a um linchamento sem sentido.

Um dos formuladores da política de Pontos de Cultura – pela qual foram distribuídos equipamentos de aúdio e vídeo para inúmeras comunidades no país -, Ferreira aponta um conjunto de exageros nos ataques ao grupo. “Em sete anos, captaram pouco mais de R$ 1 milhão de lei Rounet”, diz ele. “Há institutos ligados a grandes instituições que captam R$ 60 milhões por ano”. Nesse período, o Fora do Eixo fez mais shows e gravou mais discos que todas as “majors”, as grandes gravadoras multinacionais que dominam o mercado brasileiro.

Gaby Amarantos, apelidada de “a primeira dama da favela”, nasceu em eventos do Fora do Eixo. Ela reconhece que os cachês são uma “merreca”, mas os shows dão visibilidade e lhe ajudaram a estruturar uma rede alternativa, no momento em que o modelo tradicional se esboroava.

Continua aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*